Desvio desmorona após chuva, isolando aeroporto, bairro e área rural em Vilhena

O forte temporal que caiu sobre a cidade durante a tarde de ontem provocou um grande estrago nesta madrugada: o desvio que havia sido feito para a passagem de carros e pedestres na BR 174, que liga Vilhena a Juína, não suportou a força da água e desabou. A passagem improvisada permitia a circulação de pessoas e veículos enquanto era construída uma ponte sobre a rodovia. A obra faz parte do projeto de macrodrenagem que é executado pela prefeitura.

Com o desmoronamento, parte da cidade, incluindo o aeroporto Brigadeiro Camarão, fica isolada, pois aquele era o único caminho para se chegar à região central. Por ali passam visitantes que chegam de avião e também produtores rurais que tem propriedades ao longo da área de cerrado que margeia a BR. Também usam o trajeto moradores de um bairro recém-implantado e alunos e professores do Ifro, complexo federal de ensino instalado a poucos metros do desmoronamento.

Algumas pessoas foram flagradas hoje, por volta das 6:00h da manhã, tentando cruzar o que restou do desvio, numa operação arriscada, já que há o risco de a terra ceder. A prefeitura deve começar a recuperar o estrago ainda hoje, dada a urgência do caso.

Fonte: Folha do Sul Online

Desvio desmorona após chuva, isolando aeroporto, bairro e área rural em Vilhena
Desvio desmorona após chuva, isolando aeroporto, bairro e área rural em Vilhena

 

Comente

   
     
 
© 2013 - Desenvolvido por Webmundo Soluções Web - Todos Direitos Reservados Conexao190. Jaru/RO Levando mais Informação.