Empresários de Ariquemes querem lei proibindo capacete em estabelecimentos comerciais

Dificultar a ação de criminosos que utilizam o capacete em roubos, evitando o reconhecimento das autoridades policiais, é o objetivo de uma proposta de empresários de Ariquemes. O assunto foi discutido em reunião na Associação Comercial e Industrial de Ariquemes, na tarde desta quarta-feira (02).

A discussão foi proposta por proprietários de postos de combustíveis, contudo a ideia deverá ampliada, atingindo todos os estabelecimentos comerciais, através de uma lei municipal.

O empresário Marcos Daltiba disse que muitos criminosos aproveitam o capacete para não serem identificados, o que facilita a ação delituosa. “Com uma lei proibindo o uso do capacete no interior dos estabelecimentos comerciais a ação desses marginais seria pelo menos inibida”, explicou.

O presidente da ACIA, Antônio Custódio, explicou que com lei proibindo o uso de capacete nos estabelecimentos comerciais, os empresários vão ter legalidade para pedir que os clientes retirem o equipamento de segurança durante o atendimento.

Participaram da reunião os vereadores Alex Redano e Vânio Marques. Os parlamentares se comprometeram a apresentar um projeto de lei em conjunto com os demais vereadores para que a ideia seja regulamentada.

O assunto já deve ser protocolado na sessão ordinária da Câmara de Vereadores do dia 7 de outubro e discutido nas comissões parlamentares do dia 9, como forma de preparar a votação dessa lei ainda no mês de outubro.

 

Fonte: Ascom Acia

Comente

   
     
 
© 2013 - Desenvolvido por Webmundo Soluções Web - Todos Direitos Reservados Conexao190. Jaru/RO Levando mais Informação.