Em Ji-Paraná, famílias vítimas da enchente voltam a fechar BR 364 e cobram providências urgentes

A BR 364 foi fechada novamente por moradores que tiveram suas casas destruídas pela forte chuva que caiu na semana passada, em Ji-Paraná. Dezenas de famílias empilharam os restos do que sobrou das mobílias e trancaram as duas pistas, em frente a antiga “Lamir”, próximo ao Radar Eletrônico, no KM-05. Apenas ambulâncias e  viaturas policiais estão autorizadas a passar. De acordo com um dos líderes da manifestação, médicos e trabalhadores que estão de plantão na cidade, também podem passar.

 

Os moradores reivindicam apoio da Secretaria de Obras para abrir o canal que corta a Rua 31 de Março e também pedem comida e alojamento para os desabrigados. Apenas algumas famílias conseguiram se abrigar na Escola Jovem Vilela, porém estão sem alimentação.

 

“A nossa situação é de calamidade, é uma vergonha. Até agora só ouvimos promessas. Daqui a pouco vem outra chuva e acaba matando a gente”, disse emocionado um morador que preferiu não se identificar.

 

O Inspetor da PRF, Zózimo Ivan dos Santos, compareceu no local e tentou um acordo, porém  a liderança do movimento afirmou que só irá desobstruir a pista quando conversarem com alguma autoridade competente, caso contrário, o manifestação poderá durar dias.

 

Várias guarnições da Polícia Militar também permanecem no local e apoio a PRF.

 

 

Comente

   
     
 
© 2013 - Desenvolvido por Webmundo Soluções Web - Todos Direitos Reservados Conexao190. Jaru/RO Levando mais Informação.